Os mitos da fertilidade, verdades e mentira da concepção

Tempo de leitura: 4 minutos

Ninguém sabe tudo de tudo

Mitos de Fertilidade 300x166 - Os mitos da fertilidade, verdades e mentira da concepção
Os mitos da fertilidade

Hoje resolvi escrever sobre os mitos da fertilidade, desde sempre quando um assunto é muito discutido,muitas informações sem base, sem comprovação sustentável acaba virando verdade.

Eu tenho uma grande amiga ela é geneticista, e sempre que ela lê meus artigos e os e-mails com as dicas e os ensinamentos que envio através dos meus blogs, ela chama a minha atenção sobre as minas síndromes, “você pensa que todas as suas amigas que te seguem estão no mesmo nível que você” as pessoas não estão no mesmo nível de informação umas das outras. de você que vive pesquisando e aprendendo uma delas ela me diz: é pensar que todo mundo tem todas as informações.

Isto é uma realidade, muitas vezes fico surpreendida com algo que aprendo sobre fertilidade humana, que parecia tão simples, pra quem já sabia, mais pra mim foi um achado, uma informação totalmente nova.

A desinformação muitas vezes nos faz aceitar coisas, que só porque foi falada e afirmada por muitas pessoas,  agente acaba aceitando sem questionar

Hoje eu quero falar sobre os mitos da fertilidade, alguns deles, que muitas mulheres pensa ser verdade mais não são.

Os mitos da fertilidade mais comuns entre nos

1 – A Fertilização in Vitro  é a única solução garantida para mulheres declaradas estéreis.

Isto é simplesmente uma grande mentira, terapias naturais e estilo de vida saudável voltados para fertilidade tem sido soluções para milhares de casos de infertilidade ao redor do mundo.

Muitos profissional da reprodução assistida, alguns com reconhecimento internacional, ignoram esses dados.

Eles simplesmente recomendam como solução a FIV, ICSI OU IIU Imediatamente quando a infertilidade é constatada, e até mesmo quando a infertilidade é não diagnosticada.

Já era tempo de todas as mulheres que estão passando por dificuldades de conceber, saber que esses procedimentos que as ART, (reprodução Humana Assistida) oferece além de não serem seguros, não são a únicas saída.

Os riscos da Fiv 300x149 - Os mitos da fertilidade, verdades e mentira da concepção
Os riscos da Fiv

Além de que são muito caros, e oferecer uma garantia de eficácia mínima, sem contar que em alguns casos, muitos casos, por sinal, pode reduzir a fertilidade da paciente quase que a zero.

Os conselhos de medicina deveria ter como norma divulgar e exigir que a ART seja o ultimo caso a ser indicado, e não o primeiro.

2 – O Parceiro Masculino Tem Pouca Influência Sobre a Fertilidade. Eu percebo quase sempre, que muitas clinicas de reprodução assistida não dão grande importância a qualidade do esperma no processo de fertilização.

Basta fazer a coleta dos espermatozoides e pronto seguem o processo. Esquecem, ou não querem reconhecer que no processo para concepção a parte masculina tem tanta importância como a parte feminina.

Fazem dezenas de exames não mulher, e praticamente esquecem do parceiro como se bastasse colher o esperma e esta tudo bem.
A má informação dos interessados, e o marketing que oferece de forma rápida a solução do problema, tem causado muitas tristezas.

3 _ Se Tiver 35 é provável que tem problemas de Concepção. Não sei se você percebe, mais quando a mulher passa dos 35, os dados estatísticos que agente cansa de ouvir, dizem que a possibilidade de concepção natural em mulheres que a atingiram esta idade é de 4 a 6%.

Isto dependendo do paíes, é verdade, mais o que eu percebo e que basta ter 35 ou mais e ter dificuldade de conceber que facilmente uma FIV é indicada.

O que também é verdade é que as mulheres entre 29 e 34 a taxa de concepção natural em mulheres consideradas saudáveis a diferença da taxa estatística é mínima.

Eu percebo que esta se criando quase que um preconceito com as mulheres com alguma dificuldade de conceber quando elas passam dos 35 anos de idade.

No meu dia a dia, tanto escrevendo num Blog, quanto convivendo no departamento de maternidade do hospital onde trabalho,

Quase tudo é direcionado para mulheres acima dos 35 anos, claro que muitas mamães novinhas passam por lá também,

O que eu quero dizer é que quase tudo que penso e faço esta relacionado a resolver os problemas de fertilidade das mulheres com mais de 35, porque estão criando um mito que mulher com mais de trinta e cinco na engravida.

Por isso se você que esta lendo esse texto e tem acima de trinta e cinco anos, deixe um comentário aqui embaixo.

Eu vou amar saber o que você pensa deste e de muitos outro assuntos deste blog.

Beijos: Maria das Graças.

1 comentário

Comentários encerrados.