Gravidez ectópica: Por que acontece e o que você precisa saber

Tempo de leitura: 7 minutos

Gravidez ectópica trocando em miudos

Gravidez Ectópica 1 - Gravidez ectópica: Por que acontece e o que você precisa saber
Gravidez ectópica que você precisa saber

Uma gravidez ectópica ocorre quando um óvulo fecundado se implanta fora do útero – na maioria das vezes, nas trompas de falópio, mas também é possível uma gravidez ectópica se implantar nos ovários, no abdômen ou no colo do útero.

Uma gravidez ectópica é uma condição séria que pode ser fatal para a mãe se não for tratada. Se você suspeitar que você pode ter uma gravidez ectópica, você deve consultar um médico imediatamente.

Por que as gravidezes ectópicas acontecem?

Na maioria das gestações, o ovo fertilizado viaja através das trompas de Falópio para chegar ao útero, onde se implanta na parede uterina e começa a crescer.

Estudos indicam que em cerca de 2% de todas as gestações, o óvulo fertilizado se implanta em algum outro lugar que não o útero.

Quase sempre não é possível saber exatidão a causa de uma gravidez ectópica. Entretanto existem fatores que aumentam o risco de uma gravidez ectópica,

São eles:

  • Já aconteceu antes – Se você já teve uma gravidez ectópica no passado, você corre um risco maior de ter novamente – embora suas chances de ter uma gravidez saudável sejam muito maiores do que suas chances de uma outra gravidez ectópica.
  • doença inflamatória pélvica, inflamação das trompas de falópio, do útero ou do ovários . pode aumentar o risco de gravidez ectópica.
  • A causa raiz, muitas vezes, pode ser uma doença sexualmente transmissível, exemplo gonorréia ou clamídia.
  • Pesquisas indicam que existe uma conexão entre a infertilidade e / ou o uso de drogas para fertilidade e a gravidez ectópica.
  • Gravidez ectópica pode acontecer se seu útero tem formato incomum, ou porque houve alguma danificação durante a cirurgia nas trompas de Falópio.
  • É improvável que uma gravidez aconteça se você usa um DIU. Mas caso ela aconteça é muito provável que esta gravidez sera ectópica. O que também é verdade quando a gravidez ectópica se você fez ligadura de trompas
  • O Habito de Fumar enquanto você está tentando engravidar, aumenta os riscos de uma gravidez ectópica. Se considerar o fator idade o risco aumenta quanto mais você fuma. A gravidez ectópica é mais provável em mulheres com idade acima de 35 anos.

     Quais os sinais característicos de uma gravidez ectópica?

 Uma gravidez ectópicas pode ter sintomas diferentes em cada mulher – especificamente no início, quando o óvulo fertilizado ainda não cresceu o suficiente para causar dores ou outros sintomas.

A gravidez ectópica também pode, no início, ter sinais precoces típicos de uma gravidez normal, como náusea e dor na mama.

Você pode ter ainda:
Gravidez com manchas, ou mesmo sangrando que você confunda com seu período, como dores na região lombar, cólicas leves em um lado do abdômen, dor na região pélvica.

Quando a gravidez continuar por um tempo suficiente para causar ruptura, os sintomas podem se intensificar.

Incluindo:
Desmaios ou tonturas
Pressão no reto
Pressão sanguínea baixa
Dor no ombro
Dor aguda abdominal         

          Como é feito o diagnostico de uma gravidez ectópica?

 Na grande maioria das vezes, a gravidez ectópica é diagnosticadas com o uso de uma combinação de ultrassonografia e exame de sangue.

O ultra-som é usado para mostrar onde a gravidez está localizada. Uma gravidez será visível no útero a partir da sexta semana gestacional (contada a partir do primeiro dia do último período menstrual com base em um ciclo de 28 dias).

A gravidez ectópica é provável quando não houver sinais de embrião no útero, mas os níveis de hCG estão elevados e aumentando, o que pode ser detectado por meio de exame de sangue ou até mesmo em teste de gravidez feito casa).

Além de um ultra-som, dois ou mais exames de sangue de hCG podem ser tomados com 48 horas de intervalo (isso é chamado de teste beta-hCG em série.

Nas primeiras semanas de uma gravidez normal, os níveis de hCG dobram aproximadamente a cada 48 horas.

Significa que baixos níveis de hCG, ou níveis de hCG que aumentam em um padrão errático, está sugerem uma gravidez ectópica ou um aborto espontâneo.

                       Que tratamento é indicado para uma                  gravidez ectópica?

 

Gravidez Ectópica - Gravidez ectópica: Por que acontece e o que você precisa saber
que você precisa saber que você precisa saber

Após diagnosticada a gravidez ectópica, o tratamento deve começar imediatamente para evitar o risco de ruptura. Existem várias opções de tratamento diferentes para uma gravidez ectópica diagnosticada,

Entre outras:
Interromper a gravidez com o medicamento metotrexato . Se a gravidez ectópica foi detectada precocemente (antes de um batimento cardíaco detectável e / ou quando os níveis de hCG estão abaixo de 5.000), o seu médico pode recomendar o tratamento com metotrexato.

O metotrexato é mais comumente usado como um medicamento contra o câncer. Ele age impedindo o crescimento de células que se dividem rapidamente, este medicamento é administrado por injeção.

Após uma injeção de metotrexato, seu médico irá monitorar os seus níveis de hCG para constatar que eles estão em queda.

Caso a gravidez continue depois de administrado a primeira injeção, será necessário injeções adicionais ou dependendo de cada caso um tratamento cirúrgico.

Após o tratamento com o metotrexato, a maioria dos médicos recomenda que se demore entre três e seis meses para tentar engravidar novamente, isto se faz necessário por que pode existir preocupações com os efeitos residuais do medicamento

No caso de esta gravidez estiver causando sintomas graves ou progredido além dos estágios iniciais, far-se-a necessária uma cirurgia sob anestesia geral.

A cirurgia laparoscópica removerá a gravidez e reparará as trompas de falópio através de uma pequena incisão.

Se a gravidez ectópica já se rompeu, é necessária uma cirurgia de emergência para remover parte ou toda a tuba uterina.

Um dos riscos da cirurgia é o tecido cicatricial adicional que pode causar a gravidez ectópica mais provável no futuro.

Algumas gravidezes ectópicas abortam sozinhas, e muitas vezes são confundidas com aborto espontâneo.

Quando a gravidez for precoce e parecer estar terminando sozinha, seu médico pode não sugerir nenhum tratamento enquanto monitora seus níveis de hCG para garantir que eles estão baixando aos níveis normais.

Há como salvar uma gravidez ectópica?

Não infelizmente não é possível salvar uma gravidez ectópica. Após um óvulo fertilizado ser implantado fora do útero, não será possível transferi-lo para o útero.

O progresso de uma gravidez ectópica sem tratamento, certamente romperá a tuba uterina, como isto ameaçando a vida da mãe.

Depois de uma gravidez ectópica tenho chances de engravidar novamente no futuro?  

Sim as chances de ter uma gravidez bem sucedida depois de uma gravidez ectópica são boas, cerca de 65% das mulheres atingem uma gravidez saudável nos próximos 18 meses após uma gravidez ectópica.

Estudos científicos sugerem que este numero pode chegar 85% de uma nova gravidez saudável depois de passados dois anos.

Entretanto as suas chances individuais de engravidar dependerão muito da saúde de suas trompas e do tipo de tratamento que você recebeu combatendo a gravidez ectópica

Foi útil para você estas informações? Então certamente será para outras meninas. Compartilhe em suas redes sociais para que outras também possam aprender.

Um beijo e até o próximo artigo.

 

COMO ENGRAVIDAR DEPOIS DOS 40

 

Ebook Como Engravidar depois de 40 226x300 - Gravidez ectópica: Por que acontece e o que você precisa saber
Ebook-Como-Engravidar-depois-de-40

 

Corpos saudáveis aumenta as chances de concepção e proporciona uma gravidez saudável e um bebê saudável.
Você é o que você come, comer uma dieta saudável e equilibradas ajuda a restaurar o potencial que seu corpo para trabalhar na jornada milagrosa de dar vida a uma nova pessoinha.
Ainda mais quando a idade vem chegando, não esqueça de baixar o meu novo livro digital: Como Engravidar Depois dos 40